Plenitude Web TV , Plenitude SCM , Plenitude , Três Lagoas

ASSISTÊNCIA

Assistência Social intensifica atendimento a pessoas em situação de rua devido baixas temperaturas em Três Lagoas

Quarta-feira, 10 de Julho de 2019

POR: Assessoria PMTL

Foto: Reprodução

Com dias e noites mais frias, as equipes da Secretaria de Assistência Social (SMAS) de Três Lagoas intensificaram o trabalho de atendimento as pessoas em situação de rua. No último final de semana, por exemplo, em que o termômetro marcou a média de 8 graus, o plantão trabalhou intensamente atendendo às chamadas de telefone da população para visitar os pontos em que havia pessoas em situação de rua, tais como Supermercados, farmácias e praças.

Segundo o diretor de Proteção Social Especial, Luis Fernando Tondeli Fochi, durante todo o ano a Assistência Social trabalha com várias frentes de trabalho tais como o Centro POP (Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação de Rua), o Serviço de Abordagem Social visitando pontos principais da Cidade e o Acolhimento POP para as pessoas que vem de outras Cidades ficarem enquanto não tem onde ficar.

“Em todas estas frentes de trabalho nós vamos até a pessoa e o convidamos para ir para o nosso Centro; nada é imposto. Alguns aceitam e outros se recusam em razão das regras que temos como o não uso de álcool e drogas, mas mesmo quando recusam, em épocas de frio como agora, deixamos um cobertor e roupas de frio para ajuda-los”, disse.

 

ESMOLA DEIXA PRA LÁ

Para a coordenadora do Centro POP, Solange Sanxo de Almeida, o que dificulta essas pessoas a buscarem auxílio na Unidade é a esmola que a população ainda dá achando que está ajudando.

“Eles têm artimanhas para conseguirem o dinheiro contando historinhas que não são verídicas e assim conseguem arrecadar em um dia cerca de R$250. É com este dinheiro que eles consomem álcool, drogas e por isso preferem ficar nas ruas. A população precisa se conscientizar que assim ela está potencializando a situação, os incentivando a continuar vivendo nestas condições de vulnerabilidade e não ajudando”, disse.

COMO AJUDAR?

Para ajudar essas pessoas em situação de rua a equipe do SMAS orienta a população a fazerem as doações de roupas diretamente no Centro de Referência Especializado para População em Pessoas de Rua (CENTRO POP). Às entidades e sociedade civil, Luís Fernando orienta para que ações voluntárias como a entrega de alimentos, por exemplo, é aconselhável fazer dentro das suas Unidades e não na rua.

“Precisamos levar estas pessoas para dentro das Unidades para dar a oportunidade de conhecer sua história; conversar; aconselhar a buscar ajuda. Não é proibido dar alimentos na rua, mas incentivamos a pessoa a ficar ali e não é o que queremos”, explicou.

 

PLANTÃO

A SMAS disponibiliza para a população um telefone direto para a mesma ligar caso encontre uma pessoa em situação de rua para que a mesma ser acolhida e protegida, principalmente no frio, no (67) 9.9212-5728 que funciona 24 horas. Denúncias podem ser feitas no telefone (67) 3929-1566.

7_perfeitoparavoce_CELifestyle_750x447._

Expediente | Anuncie | Política de Privacidade | Oque é Clipping?       
© PLENITUDE_SCM, 2018. Todos os direitos reservados. As notícias veiculadas nos blogs, colunas e artigos são de inteira responsabilidade dos autores.